Menu
24 set 2015

Etanol e o jeitinho brasileiro de ajustar o preço

Acelerador do Inglês 2.0


Frau tankt Auto an Tankstelle

Etanol, para quem não está informado é nome dado ao “álcool” de carro, uma forma de combustível “concorrente” a gasolina “Jeitinho Brasileiro”, para quem também não sabe é aquele jeito que o brasileiro é conhecido mundialmente, que só sabe fazer as coisas para ganhar vantagem e do jeito e hora que quer. O que estas duas coisas tem em comum?


Vou fazer o relato do que eu passo na minha região, mais precisamente Franca/SP(caso passe pelo mesmo deixe seu relato nos comentários).
A região da cidade de Franca é muito rica em cana de açúcar que é praticamente a matéria prima da produção de etanol, durante anos sempre pagamos um valor desproporcional a quantidade produzida, na época que o álcool era vendido a R$1,20 muito já se falava que o valor poderia chegar a R$0,70 centavos, coisa que no máximo chegava a R$0,89 em uma promoção de uns 3 dias voltando em menos de uma semana para a casa dos R$1,20(isso em meados de 2008).
Em pleno 2015 onde nós pagávamos R$1,99 e do nada chegou a ter uma alta para mais de R$2,50 eu tive que escutar a seguinte pérola de um funcionário de um sindicato…

“O ETANOL É O PREÇO QUE É PORQUE A POPULAÇÃO CONTINUA COMPRANDO”

Confesso que após esta frase eu vi que a mania do brasileiro de buscar vantagens em tudo nunca se supera. Eu sei que o lucro é necessário para uma empresa, mas você tornar seus clientes reféns de você chega a ser uma ousadia absurda… confesso que eu ainda sonho com uma chegada de uma novo tipo de combustível para brigar contra o etanol e o a gasolina.
OBS: No mês de junho foi anunciado que foi desenvolvida a “SUPER CANA”, cana ao qual se desenvolve mais rápido,fica quase o dobro do tamanho da normal e ainda rende mais os gomos da cana. Tudo isso foi desenvolvido em laboratórios da região do interior de São Paulo. Ai você pensa “opa, que bom os preços vão cair”… se engana bobinho, esta descoberta só irá fazer o lucro das usinas aumentarem.

noticia_25062014144757
Apesar de já estarmos cansados de ver esta história no caso da gasolina(onde a Petrobrás sempre vendeu combustível para outros países a preço menor do que consumido no Brasil, e depois de tanto roubo lá na empresa o cidadão ainda teve um aumento no preço do combustível para ajudar as finanças da empresa) juro que eu tinha esperança de que no Brasil em algumas áreas a mania de tirar vantagem não tivesse contaminado as pessoas, mas vejo que eu estava errado pois o Brasil já nasceu contaminado e podre por dentro de nós mesmos.

BRASIL SIL SIL SIL!!!

TAGS

Comente

6 comentários no post “Etanol e o jeitinho brasileiro de ajustar o preço”

  1. Muito justo a sua reclamação! Como ex-funcionário da Petrobrás contudo, gostaria de lhe dar algumas informações.
    Primeiro vamos falar das tributações. Acontece que o Etanol não tem nenhum subsídio ou simples isenção de imposto na produção e nem na venda do atacado e varejo ou melhor na distribuição. Desde o começo do produto pronto nas usinas, lá vem uma caralhada de coisas : IPI; Pis;Cofins; ICMS e o escambau!Sem contar os custos agregados da previdência social incluso na mão-de-obra, provisionamento de IR sobre lucro presumido. Saiu o produto da Usina para a Distribuidora (BR, Shell, SP,Ipiranga etc.) É cobrado o ICMS sem crédito de entrada – Cobrado seco!. Variando de estado para estado, vai de um minimo de 17% (dificil) para até 27% embutido na nota. Ou seja é cobrado por dentro do preço de venda do produto. Vou fazer uma pequena comparação aqui: Havia um tempo que financeiras ofereciam crédito pessoal com juros baixos em 30 dias (Lojas Americanas, Extra,Carrefour etc), o sujeito ia lá fazia e dava um cheque para 30 dias do valor do dinheiro emprestado menos os juros! Ex: Empréstimo de 500 reais para trinta dias com cheque juros 10% a.m. Você recebe R$ 450 e deixa um cheque de R$ 500 para 30 dias, certo? Errado! A Taxa não foi de 10% a.m. mas de 11,1111…% Você foi lesado!
    No imposto é a mesma coisa! Quando ele é embutido por dentro do preço ele fica maior do que a taxa alegada!
    Pois bem, chegando na Distribuidora ele é distribuído para os postos de combustível para venda ao consumidor final. Outra trombada de imposto! O Posto já recebe o combustível da distribuidora cobrando o imposto que ele o posto deveria recolher quando vendesse o combustível! Isso mesmo! O Imposto (ICMS) é cobrado antes de ser vendido para você consumidor!!!! E é cobrado dessa forma embutido por dentro do preço da bomba! Ou seja alíquota cresce como no exemplo do empréstimo!!!
    Assim meu caro, todos ficam pobres! A usina poderia por exemplo produzir etanol a um real, que com certeza o governo vai conseguir transformar isso em quatro reais para a venda ao consumidor!!!!
    Os usineiros só escapam da falência, e alguns até não escapam, por que a Petrobrás por lobby da classe e conivência escandalosa do CNP, Compra a produção dos usineiros um ano ou dois anos antes da safra!!! Assim os caras recebem grana adiantada por conta de algo que ainda vão produzir!!! Criando assim um ciclo vicioso que encarece o produto, mascara custos operacionais e as tecnologias empregadas chegam a passo de tartaruga!!! A Austrália por exemplo, tem fazendas enormes de cana-de-áçucar, com mais de 100 mil hectares plantados, cuja colheita é totalmente mecanizada e o plantio também! Nela trabalham apenas a família do fazendeiro e no máximo mais dois empregados!
    O Governo sobretaxa tanto o combustível de modo geral que escravizou estados com a famosa substituição tributária, algo criado para aumentar e melhorar a arrecadação dos estados do país, já que todos tem postos de combustíveis, diminuindo a dependência do governo federal! Mas, com essa classe política aí administrando eles fizeram foi uma farra doida com o dinheiro, continuaram endividados e de chapéu na mão pedindo mais dinheiro!!! O foi feito para viabilizar estados pobres como Paraíba, Alagoas, Sergipe, Macapá, Acre e Roraima por exemplo, acabou virando o algoz do consumidor! Já que quem legisla sobre a alíquota são os próprios estados! Quer baixar o preço do Etanol aí em São Paulo? Fala pro Alckmin baixar a alíquota do ICMS!!!!

    1. kkkk o Alckmin baixar a alíquota do ICMS? só em sonho

      Obrigado pelo comentário interessante e detalhado sobre o assunto, percebo cada vez mais que este pais está perdido, é tanto imposto e eles ainda criam motivos para criar novos impostos! :/

  2. Nos merecemos isso.
    Concordo com o cara que disse que este e o preço por que pagamos.
    Isso vale pra quase tudo no Brasil. E caro porque compramos. Deixe de comprar pra ver se o preço nao cai.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *